Novas competências e habilidades importantes para o pós-COVID-19

Mesmo em tempos de incertezas e inseguranças, investir na formação profissional aumenta chances de conseguir ou manter o emprego

Inteligência emocional, capacidade para se adaptar a novos projetos, resiliência, senso de urgência. Se essas características já estavam em alta no mercado de trabalho há alguns meses, agora elas serão imprescindíveis para os profissionais na disputa por uma vaga. “O momento que estamos vivendo reforça ainda mais a necessidade de investir em uma formação profissional inovadora e de qualidade, especialmente dada a necessidade de mais preparação para superar os desafios que todas as áreas estão passando”, afirma Alessandra Campos, coordenadora de Educação Superior do Sistema Fiep.

De acordo com um mapeamento de tendências feito pelo Observatório Sistema Fiep, espera-se um aumento nos investimentos em Pesquisa, Desenvolvimento & Inovação, que vinham sendo reduzidos nos últimos anos. Isso significará um aumento na demanda por profissionais e pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento, capazes de desenhar e implantar novos processos produtivos, modelos de negócios e tecnologias.

Preparação para a retomada da indústria

Com o foco nas demandas atuais e futuras do setor industrial, as Faculdades da Indústria preparam profissionais nas áreas de engenharia, tecnologia, design e gestão. “O mercado espera que os profissionais tenham, além de conhecimentos técnicos e habilidades tecnológicas, liderança, capacidade analítica para leitura de cenários variáveis, flexibilidade de adaptação e criatividade, e essas características são estimuladas na nossa metodologia”, diz Alessandra.

São mais de 1300 vagas abertas nos cursos de graduação em Curitiba, São José dos Pinhais e Londrina. Entre os cursos oferecidos destacam-se as Engenharias Mecânica, Mecatrônica, Elétrica, Química, de Produção, de Software, de Energias e de Meio Ambiente e Energias Renováveis. Também são ofertadas as graduações em Design de Moda e Design de Interiores, além dos tradicionais cursos de Fabricação Mecânica, Automação Industrial e Processos Gerenciais. As aulas iniciam no segundo semestre de 2020. “As Faculdades da Indústria têm inovação como base para o desenvolvimento de um perfil profissional formado a partir de desafios que promovem competências técnicas e relacionais ainda mais necessárias neste cenário”, comenta Alessandra.

Provas online irão substituir vestibular agendado

Para manter o isolamento durante o período de quarentena, as Faculdades da Indústria criaram uma nova modalidade de prova online, que irá substituir o vestibular agendado neste segundo semestre de 2020. O candidato poderá realizar todo o processo seletivo por meio de qualquer dispositivo com acesso à internet, como smartphone e computador. A prova será liberada logo após a efetivação da inscrição no curso desejado.

Inscreva-se: https://www.faculdadesdaindustria.org.br/graduacao/